Resíduos

Projecto Separar sem Parar

Entre 2006 e 2009 teve lugar o Projecto de Comunicação Separar Sem Parar, da AMCAL.

Este projecto ensaiou de forma criativa e original vários mecanismos promotores da participação e transparência com o objectivo de promover o aumento da reciclagem junto da população.

Sendo certo que uma população informada e envolvida ficará mais colaborante com as questões do ambiente e da reciclagem em particular.

Gráfico de prestação de contas
Instalação colocada no jardim público da Vidigueira. Prestação de contas à população dos resíduos enviados para reciclagem.

Folheto que acompanhava as facturas de água. Folhetos específicos para cada concelho. Na imagem, o folheto do concelho da Vidigueira.

img_20181024_115727

Porque a separação é tarefa e compromisso  de todos, em cada freguesia dos cinco concelhos que compõem a AMCAL houve uma pessoa que deu a cara e partilhou os seus compromissos com a separação de resíduos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Com poucos recursos (e outra tecnologia!) fizemos ainda um filme com os funcionários da recolha de resíduos (um aliado não desprezível!). O filme depois foi passado e discutido em todas as escolas do concelho. Em muitas escolas os funcionários foram reconhecidos (e o seu trabalho!). Nos casos mais felizes, pelos seus próprios filhos.

Solução PAN WASTE2VALUE

ecop_app_imagemjpeg_nov_14
Descrição sumária Attribution 4.0 International (Creative Common BY 4.0) e a “inspiração

Quase três anos a desenvolver um Projecto na área dos resíduos de base participação cidadã. Um quase falhanço em toda a linha.

recbingoExiste, contudo,  a franca consolação de termos “inspirado” outras soluções (amarsul). Porventura menos ambiciosas e menos abrangentes e  mais ineficientes como o Projecto Recycle Bingo a quem desejamos, naturalmente, boa sorte!

Uma quase conclusão. Partindo do conceito de obsolescência programada (o tal que explica que, apesar de haver tecnologia disponível para fazer máquinas de lavar que durem 20 anos, estas duram apenas 4 ou 5), achamos que há um conceito mais abrangente: o conceito da ineficiência programada. Sistemas  propositadamente ineficientes geradores de prejuízos para todos e elevadíssimos lucros para muito poucos.

 

Anúncios